STRUCTURE AND ORIGIN OF SOME URANIUM-BEARING VEINS IN PORTUGAL

STRUCTURE AND ORIGIN OF SOME URANIUM-BEARING VEINS IN PORTUGAL

10965


CAMERON (J.).— STRUCTURE AND ORIGIN OF SOME URANIUM-BEARING VEINS IN PORTUGAL. Lisboa. 1959.  Presidência do Conselho de Energia Nuclear. (Composto e impresso nas Oficinas Gráficas de Ramos, Afonso & Moita, Lda.). 18x25 cm. 56-IV págs. B.

“Os jazigos filoneanos de urânio situam-se na zona Norte do Centro de Portugal, nos granitos Hercínios, Individualmente, tendem a seguir uma faixa de direcção NE-SW, dispondo-se no seu conjunto num arco à volta da extremidade NE do alinhamento NE-SW da cadeia de montante da Serra da Estrela. Reconhecem-se quatro principais distritos mineiros: Urgeiriça, Reboleiro, Guarda e Bendada. Os filões são do tipo sílica-galena-pirite(...)”

Trabalho trilingue (português - francês- inglês), profusamente ilustrado.

Valorizado pela dedicatória do autor. Com algum sublinhado.