ROSA ESQUERDA (A)

ROSA ESQUERDA (A)

03212-L2
  • 20,00 €


ROSA  (António Ramos). — A ROSA ESQUERDA. Caminho. (Lisboa 1991). 13x18,5  cm. 39-IX págs. B.

“Experiência de linguagem, o poema não descreve ou narra. Pelo contrário, cada poema é um exercício de linguagem contra a linguagem, uma acção verbal, uma execução. O poema de Ramos Rosa não recolhe, não narra um enredo, não restitui uma paisagem; o poema acontece.”