PORTO DO ROMANTISMO

PORTO DO ROMANTISMO

20356-L2
  • 55,00 €


BASTO (A. de Magalhães).— PÔRTO DO ROMANTISMO. Coimbra. Imprensa da Universidade. 1932. 16x22,5 cm. 234-VI págs. B.

“Não é um volume de História, grave, pesado e solene que vimos oferecer ao leitor. Êste livro não tem a arquitectura severa dos monumentos de erudição, embora haja sido escrito, com a preocupação de verdade que deve existir no espírito de quem deseja realizar um trabalho rigorosamente histórico. Ambiciona ser exacto e, ao mesmo tempo, simples e claro. Os seus capítulos são ligeiros quadros em que se procura explicar e se descrevem os costumes e os aspectos mais típicos de uma sociedade e de uma época, sem, no entanto, se descer a análises exaustivas mas enfadonhas: estuda o Pôrto do Romantismo — e especialemnet o do período de 1848-1854, porque foi nesse tempo que a sociedade portuense teve uma fisionomia mais própria, um ar muito especial (...)”.

Ilustrado em folhas intercaladas no texto.

Valorizado pela dedicatória do autor. Capas da brochura com manchas de acidez, próprias do papel. Pequena rubrica de posse no canto superior esquerdo da página 100.