PENA CAPITAL

PENA CAPITAL

17575-LL-002


VASCONCELOS (Mário Cesariny de).— PENA CAPITAL. Contraponto. (Tipografia Ideal. Lisboa. 1957). 14x19,5 cm. 135-VII págs. B.

Raro livro de Mário Cesariny de Vasconcelos, considerado o principal representante do surrealismo  em Portugal, fundador com António Pedro, José-Augusto França, João Moniz Pereira, Vespeira e Alexandre O'Neill, do primeiro grupo surrealista português, influenciado por Breton. Dele se desligaria em 1949 para, com outros autores, constituir um grupo dissidente, de que fizeram parte, entre outros, António Maria Lisboa, Cruzeiro Seixas, Pedro Oom, Mário Henrique Leiria.

Parcialmente por abrir.