Lisboa desaparecida - Marina Tavares Dias

21614-L22
  • 200,00 €


DIAS (Marina Tavares).— LISBOA DESAPARECIDA. Quimera. (1991-2003). 23,5x30,5 cm. 8 vols. E.

“A cidade como núcleo centrífugo das vidas que alberga; a cidade como espaço de percursos preferencialmente assumidos e repetidos; a cidade como destino: eis aquilo de que fala a olisipografia. Esgotada a quarta edição de Lisboa Desaparecida no final de 1988, mantive depois estes textos em prudente compasso de espera. (...) Lisboa Desaparecida pretendeu homenagear os historiadores que fizeram da cidade uma fonte inesgotável de casos humanos, de histórias, de moradas e caminhos imprescindíveis. (...) Este livro insere-se numa tradição à qual não acrescenta mais méritos do que os de uma escolha contemporânea na análise dos temas. Pretendo captar um público com poucos neófitos, Lisboa Desaparecida revestiu-se, pois, de outra componente: a pesquisa iconográfica (...)” — retirado de Nota à quinta edição.

Oito volumes, profusamente ilustrados a negro e a cores.

Encadernação dos editores. Preservam as sobrecapas de papel. Perfeita conservação.