LEITURAS POPULARES SOCIALISTAS Ano I Vol. I

LEITURAS POPULARES SOCIALISTAS Ano I Vol. I

20549-L2
  • 80,00 €


LEITURAS POPULARES SOCIALISTAS. Publicação Mensal. Lisboa. Typ. da Empreza da Historia de Portugal. 1902. 12,5x18 cm. Vol. I — 1º de Maio. 196 págs. E.

“Com o modesto titulo de Leituras Populares Socialistas, vamos iniciar a publicação de uma serie de pequenos folhetos, ao alcance de todas as bolsas, sem pretenções a largas vistas orientadoras, animados de intenções sinceras e honestas, afim de proporcionar atavios de linguagem, que enredam o espirito a educar. No pouco tempo espaço de tempo que podemos dispôr do labôr constante das nossas occupações diárias, vimos dizer aos nossos irmãos do trabalho o que pensamos e o que desejamos, para que núma comunhão de idéas, possamos erguer o magestoso Edifício Social, que andamos a construir para a Humanidade. Na prosa e no verso, faremos por ser intuitivos tanto quanto possivel; falando em linguagem clara, de facil comprehensão para que todos os que nos leiam nos entendam. (...) Faremos por dignificar a mulher — a eterna soffredora de todos os tempos — dando-lhe egualdade de direitos e deveres sociaes. Velaremos pelas creanças e pelos velhos, uns a ridente aurora do futuro, e outros o ocaso do passado (...)”.— retirado do Prefácio.

Apresenta poesia, contos para crianças, breves biografias, artigos políticos e sociais.

Textos assinados por: Matheus Ruivo, Muralha, Nemo, Rouget, A. de Magalhães, Adolpho Magalhães, Albino Forjaz Samaio, Damaso Teixeira, Ignacio de Sousa, entre outros. Raro e procurado.

Ilustrado nas páginas de texto.

Encadernação editorial. Preserva as capas da brochura. Algumas anotações no poema da página 46.