IDOLOS HOMENS E BESTAS

IDOLOS HOMENS E BESTAS

16748
  • 40,00 €


[MADUREIRA (Joaquim)].— IDOLOS, HOMENS & BÊSTAS. Depoimentos e impressões sôbre as gentes e as coisas da Terra Portuguesa. I. Fialho de Almeida. II. Columbano-Figueiredo & Cª, Limitada. Texto de Braz Burity. Ilustrações de Abel Salazar. Edição de Maranus. Pôrto. 1931. 17x25,5 cm. 2 vols. B.

“Sem prazo fixo, sem poiso certo, sem assunto definido, em calhanços de oportunidade, no bambùrrio dos acontecimentos, no imprevisto das situações, fazendo gôsto ao dedo, desenferrujando a língua, dando ao Demo tristezas, que não pagam dívidas. Ídolos, Homens & Bestas procurarão, pelo tempo fora, fixar depoimentos, grifar notas, focar aspectos, exprimir impressões sôbre as gentes, os factos e as coisas da terra portugueza... Com a pena sôlta de Bráz Butity e o lápis ligeiro de Abel Salazar, Ídolos, Homens & Bestas não se propõem reformar costumes, derrubar instituições, defender princípios, queimar preconceitos,organizar partidos, engordar porcos, intelectualizar burros, matar pulgar — arrumar ou desarrumar a casa, que, com a dispensa vazia e cheia de trastes, do subterrâneo ao sótão, em casa de Orates,onde todos ralham e ninguém tem razão, já não tem arrumo ou desarrumo que valha o pau e corda da muda — e, menos ainda, as tábuas do esquife e a cêra ruim dos ruins defuntos... (...)” retirado de Saibam quantos.

Colecção completa.