HISTÓRIA DA FORÇA AÉREA PORTUGUESA

HISTÓRIA DA FORÇA AÉREA PORTUGUESA

18440-L2-010
  • 300,00 €


CARDOSO (Edgar Pereira da Costa).— HISTÓRIA DA FORÇA AÉREA PORTUGUESA. (Edição Cromocolor, Lda.  Lisboa.). s.d. 21,5x30 cm. 3 vols. E.

“A História da Força Aérea é a narrativa fiel e objectiva de uma existência com mais de sssenta anos, a transcrição rigorosa e por ordem cronológica de documentos oficiais que, como marcos de progresso, determinaram a sua evolução e estrutura actual; o esboço biográfico e imparcial de figuras prestantes que, pelos seus feitos contribuiram para vincular a Força Aérea, de indiscutível prestígio técnico, moral e histórico, que hoje disfruta (...)” — retirado do Prefácio.

Volumes profusamente ilustrados.

Encadernações do editor.

VOLUME I

Parte I : A CONQUISTA DO AR

Parte II :A AERONÁUTICA EM PORTUGAL

VOLUME II

Parte III: VIAGENS AÉREAS DOS PORTUGUESES (1916 - 1936)

Capítulo I : Início das Viagens aéreas em Portugal

Capítulo II : Enumeração Cronológica

Capítulo III : O sextante português e a sua repercussão além-fronteiras

Capítulo IV : Manifestações internacionais da aviação (Rallys e acrobacia aérea)

VOLUME III

Parte IV : DA EXPANSÃO DA AERONÁUTICA MILITAR AO ADVENTO DA FORÇA AÉREA

Capítulo I : A Aviação Militar na época das viagens aéreas

Capítulo II : A Aviação Militar e a reorganização de 1937

Capítulo III : Aviadores portugueses na Guerra de Espanha (1936 - 1939)

Capítulo IV : A Segunda Guerra Mundial e o crescimento da Aeronáutica Militar

Capítulo V : A contribuição das Aeronáuticas Naval e Militar para os transportes aéreos portugueses

Humberto Delgado

Capítulo VI : Nos primórdios da Força Aérea

Capítulo VII : Breve História da Aviação Naval

Capítulo VIII : Força Aérea Portuguesa

Capítulo IX : A Força Aérea e a Guerra em África

Capítulo X : Uma visita a Vila Nova da Rainha (1967)

Capítulo XI : Força Aérea Portuguesa (Sua expressão actual)

Capítulo XII : Aviação Militar (Relato dos seus dirigentes)

Outras Unidades da Força Aérea:

A - Aeródromo de S. Jacinto;

B - Portela de Sacavém;

C - Base do Lumiar;

D - O Corpo de Polícia Aérea (CPA);

E - Esquadras de detecção, conduta e intercepção;

F - Aeródromo de Alverca;

G - Corpo de Tropas Paraquedistas