ESPETCRO (O)

08494-LL
  • 380,00 €


PINA (Mariano).— O ESPETCRO. Castigo Semanal da Politica. Paris. 1890. 14 números. 14x20 cm. 239-I págs. E.

“E o Throno e o Governo apavorados com as nuvens negras que o sr. Pinheiro Chagas já enxergava ha uma anno no bem conhecido ‘horizonte politico’, trataram de seguir os sabios conselhos de S. Exª. — e pozeram-se de capa... Mas de que modo?... Estrangulando a Liberdade!... E como a Liberdade n’um Estado livre — até mesmo n’essa coisa a que se chama o Estado livre do Congo — se manifesta pela palavra fallada e pela palavra escripta, o governo do sr. Serpa, para melhor se pôr de capa, mandou que a partir do dia 8 de abril de 90 nenhum portuguez fallasse e nenhum portuguez escrevesse … a não ser para cantar lôas ao actual ministerio. (...) A Liberdade é hoje o espectro do Throno e do sr. Serpa... E como o governo tem a peito supprimir os espectros que ponham o paiz em desaccordo com as opiniões(?) e as ideias (??) dos ministros — vamos dar-lhe todos os sabbados um Espectro... apesar do desgosto que semelhante resolução irá causar a este diabo feito frade, mais burocraticamente conhecido pelo nome de conselheiro Arroyo — o conselheiro Arrocho da situação! (...)”

Escrita de uma forma severamente crítica mas com muito sentido de humor.

Publicação que teve início a 3 de Maio de 1890 e termino em 2 de Agosto do mesmo ano apresentando-se, esta colecção, completa.

Encadernação com lombada em pele. Conserva todas as capas das brochuras e margens integrais.