Ceia dos maiorais (A) & lágrima (A)

Ceia dos maiorais (A) & lágrima (A)

19671-B1-011
  • 15,00 €


AZEVEDO ['CRISPIM'] (Severim de).— A CEIA DOS MAIORAES & A LÁGIMA. Imitação politica d'A Ceia dos Cardeaes do Sr. Julio Dantas. A LAGRIMA. Imitação politica d'A Lagrima do Sr, Guerra Junqueiro. (Typ. La Becarre. Lisboa. S.d.). 15,5x22 cm. 19-I págs. B.

Da autoria do jornalista e escritor Severim de Azevedo, que assina como ‘Crispim’, estas sátiras foram, à época,  muito populares.

Primeira das três edições referidas por Campos Ferreira Lima no seu trabalho sobre As Paródias na Literatura Portuguesa.

São personagens desta peça, “Figurões”: Cidadão Bernardino, ex-conselheiro e chefe da Cordealidade Portugueza; Cidadão Camacho, capitão de lucta e chefe dos Irmãos Desunidos; Cidadão Affonso, maioral dos Radicaes.

O autor acrescenta ainda: “Lisboa, actualidade.— Durante o segundo anno da Republica.— Seculo XX”.

Em A Lágrima, o autor coloca o seguinte Extracto da sessão parlamentar da Camara dos Deputados do dia 1 de Março de 1912: “O sr. Freitas Ribeiro diz que tem em seu poder 148 requerimentos de officiaes da armada protestando contra as promoções com prejuízo de antiguidade, Trata-se d’uma alta questão de moralidade, a que a camara tem de attender. N’esta altura a camara agita-se, trocando-se os mais violentos ápartes entre os grupos da direita e da esquerda. O sr. Aresta Branco chora convulsivamente e pede aos deputados, por entre soluços, que mostrem mais amor pela Republica.”