CATARINA

19508-L2
  • 30,00 €


CAMPINAS.— CATARINA. (Achevé d’imprimer le 2 de juin 1967 sur les presses de l’imprimerie Wéry à Bruxelles). 16,6x17 cm. 43-I págs. B.

Edição bilingue, português francês, com tradução e adaptação para a língua francesa por Gaston-Henry Aufrere.

Ilustrações e capa de Miguel Flávio.

Catarina Eufémia, ou Catarina Efigénia Sabino Eufémia nasceu a 13 de Fevereiro e era uma ceifeira alentejana sem instrução que, na sequência de uma greve de assalariados rurais, em 19 de Maio de 1954, foi morta a tiro, com apenas 26 anos.

A história trágica de Catarina acabou por personificar a resistência ao regime salazarista, sendo adoptada por vários escritos como musa inspiradora para os seus poemas, como é o Caso de Vicente Campinas.

“l’édition original de ce recueil a été tirée en 1500 exemplaires sur papier couché”. Assinatura de posse e data na folha de guarda igualmente assinada pelo autor.

Veja mais