Livro - CAMILO E CASTILHO

CAMILO E CASTILHO

07187-L2
  • 25,00 €


CASTELO BRANCO (Camilo) .— CAMILO E CASTILHO. Correspondencia do primeiro dirigido ao segundo. Coordenada por Miguel Trancoso e prefaciada por António Baião. Coimbra. Imprensa da Universidade. 1930. 16x23,5 cm. VIII-122 págs. B.

“(...) para a história das obras de Camilo, pode ser traduzido para o inglês como uma aventura e uma apresentação dos romances do Mestre: A Engeitada , O Cavar em Ruinas , A Infanta Capelista , o Demónio do Ouro , Noites de Insônia , O Regicida e A filha do Regicida . E os outros que não chegaram à luz pública e são apenas sujeitos ao projecto. E todos deslizam na plenitude da sua actividade mental. (...) ” Ante os olhos do leitor deslizam Pinheiro Chagas, Viale, Juromenha, Silveira Pinto, Antero, Adolfo Coelho, Joaquim de Vasconcelos e até o coroado tradutor de Shakespeare, el-rei D. Luis.
Integrado na colecção Inéditos do Arquivo Nacional da Torre do Tombo.

Exemplar pertencente à tiragem especial de 200, em papel de linho, numerado e rubricado por António Baião