Loja da In-Libris

BARRANCO DE CEGOS

14677-L1

REDOL (Alves).— BARRANCO DE CEGOS. Romance. Portugália Editora. (Lisboa. 1961). 13x19 cm. 402-VI págs. B.

Nas palavras de Álvaro Salema: “Alves Redol construiu em Barrancos de Cegos uma das melhores criações da sua corajosa e fecunda carreira literária. O seu específico realismo, a força lírica subjacente à crua visão das coisas e dos homens, parecem cada vez mais longe de ter esgotado, neste escritor que é um homem vivo e profundamente humano do seu tempo, as largas virtualidades que neste romance se revelam.”

A obra acaba por ser a biografia de uma personagem real, mas fundamentalmente simbólica de um potentado ribatejano, cuja história Redol relata a partir de 1891, ano da revolta republicana no Porto.

Barranco de Cegos faz parte de uma fase que começou com A Barca dos Sete Lemes e em que a intervenção política e social é posta em segundo plano, dando lugar a um centramento nas personagens e na sua evolução psicológica.

Primeira edição.

Assinado pelo autor.

Liquid error: Could not find asset snippets/punchtab-snippet.liquid