ALTO DOURO IGNOTO

14754-L2
  • 35,00 €


DIONÍSIO (Sant'Anna).— ALTO DOURO IGNOTO. 1973. Lello & Irmão - Editores. Porto. 13x20 cm. 246 págs. B.

“Quando se fala do Alto Douro pressupõe-se, em regra, que se trata do grandioso vale por vezes também designado o País do Vinho e que vai desde o estrangulamento de Barqueiros até alturas de Barca de Alva, ou seja, até àquele ponto em que o rio, afastando-se da bela via panorâmica que é a via-férrea, se torna, por assim dizer, incógnito, metade português e metade espanhol. misteriosamente desaparecido — pois toda a  Ignorância é irmã gémea do Mistério — entre dois formidáveis paredões, em muitos sítios cortados, de um lado e outro, quase a prumo (...)”

Primeira edição desta obra consagrada a uma das mais belas regiões de Portugal, ilustrado com algumas fotogravuras.

Assinatura de posse.