Livro - AGUILHADAS

AGUILHADAS

08497-LL
  • 330,00 €


OSORIO (Paulo).— AGUILHADAS. Livraria Nacional e Estrangeira. Porto. 1900-1904. 12 números. 13,5x20cm. E.

“Symbolicamente fallando, este nosso velho Portugal é como um boi obeso e cançado, pachorrento e mole. Emquanto os outros vão ligeiros caminhando, elle vae, indolente e pausadamente, atraz, com os seus grandes olhos melancolicos e ternos, o seu corpanzil vetusto, vergado ao peso de passadas fadigas. No emtanto os outros caminham e elle precisa andar e é a nós, aos novos, que compete emprestar-lhe um pouco da nossa força, da nossa energia, impulsionando-o, arrastando-o, como cada um de nós possa. E já que o combate é necessário, deixemos a despreocupação da litteratura amena, façamos das nossas pennas outras tantas aguilhadas e piquêmo-lo bem, a ver se d’esta feita a besta sempre vae (...)”.

Publicação que se pretendia mensal mas que no entanto foi saindo muito irregularmente. O primeiro número tem data de 1 de Outubro de 1900, do segundo ao sexto encontram-se seguidos (Julho a Novembro de 1903). O número 7 é de Janeiro de 1904 e passa directamente para o número 8 datado de Março, seguindo-se Abril, Maio e Junho. O número 12 e último tem data de Agosto de 1904.

A partir do segundo número o autor acrescenta-lhe como subtítulo: Publicação mensal de crítica á arte, política e aos costumes, e passa a ser impressa na Typ. a vapor da Empreza Litteraria e Typographica, no Porto.

Deixamos os títulos de alguns dos artigos que integram a revista: Eça de Queiroz — O naturalismo em Portugal; O espiritismo — Uma especulação; O Infante D. Henrique — A estátua; O sr. governador do Porto e o indulto aos deportados de infantaria 18; Divagações scientificas sobre a eclosão do genio em todas as vasta manifestações do espirito humano; A obrado snr. Filippe de Oliveira, pedagogo e mestre de Lisboa; Os sete pecados mortaes da pedagogia nacional; Os Livros de Leitura, de Trindade Coelho, e a justiça da celebrada commissão; O Livro Prohibido e as furias jornalisticas correlativas, etc., etc., etc.

Encadernações com lombada em “chagrin”. Todas as capas das brochuras conservadas.