ABÓBORAS NO TELHADO

ABÓBORAS NO TELHADO

13906-L1
  • 25,00 €


RIBEIRO (Aquilino).— ABÓBORAS NO TELHADO. Crítica e polémica. Livraria Bertrand. Lisboa. 4ª edição. s.d.. 12x19cm. 359-I págs. B.

“(...) Mas as abóboras merecem mais que uma ode de Horácio. Se da planta, na tenra adolescência, brotam estas simpáticas enormidades, rotundas umas como gasómetros, cheias todas como máximas sobre as virtudes teologais, brotam através duma flor inconfundível, estranha de cor e de forma, com rebordos canelados de delicada joalharia, mais preciosa do que a fantasia esculpe a taça do rei de Tule. (...)”