REVOLUÇÃO AGRÍCOLA

REVOLUÇÃO AGRÍCOLA

11289-L2


COSTA (Manuel Beja da).— REVOLUÇÃO AGRÍCOLA. Lisboa. 1961. (Composto e Impresso na Tipografia da L. C. G. G. Lisboa). 14,5x19 cm. 184-IV págs. B.

“A minha ideia de escrever sobre questões agrárias ocorreu-me há bastantes anos, quando os problemas da economia geral ligados à agricultura fizeram nascer no monte das leis portuguesas as doutrinas agro-filosóficas da divisão das propriedades. Recolhidos calmamente os elementos de estudo, vimos hoje apresentá-los à apreciação dos interessados, mas já na convicção de que essas leis — tipo 2.027 — são simples episódios de uma questão coesa e irresoluta — a questão agrária.”

Do índice: A ideia; Origem da questão; Revolução agrícola; A Estrutura Agrária; Causas da Crise Agrícola: I - Falta de Assistência Técnica; II - Falta de Assistência Social; III - Falta de Crédito; IV - Dependência a Actividades Esgotantes; V- Falta de instituições da exploração corporativa.

Capa da brochura com manchas de acidez, próprias do papel. Assinatura de posse na folha de rosto.