PARNASO LUSITANO

PARNASO LUSITANO

17818-L2
  • 280,00 €


PARNASO LUSITANO OU POESIAS SELECTAS DOS AUCTORES PORTUGUEZES ANTIGOS E MODERNOS. Ilustradas com notas. Precedido de uma história abreviada da língua e poesia portugueza. Tomo I (ao Tomo VI - Satyricos). Paris. Em Casa de J. P. Aillaud. MDCCCXXVI-M.DCCC.XXXIV. 6 Vols. 7x10,5 cm. E.

“A minha primeira idea quando intentei esta collecção, foi dar ao público um extracto das melhores poesias de nossos classicos. Reflecti depois que não seria ella completa, porque alguns generos ha que não tractaram aquelles illustres escriptores: e em tam rica litteratura como é a portuguesa, pena fôra mostrar pouquidade e pobreza. Resolvi-me por esse motivo a sahir dos limites classicos. Mas ainda apparecia outra difficuldade: especies ha de poesia em que não escrevem senão auctores vivos; aterrava-me a lembrança de haver de julgar e escolher obras que aguardam ainda o conceito da posteridade, quasi sempre unico tribunal recto das cousas dos homens, especialmente de materia de gôsto. Todavia o mesmo motivo de querer fazer esta escolha o mais completa que é possivel, me determinou a arrostar ess’outro escolho. Procurei nos escriptores vivos cingir-me quanto racionavelmente pude á mais geral opinião, escolhendo aquelles trechos que mais approvados teem — retirado de A Quem Ler.

Trata-se da colecção completa desta apreciada publicação oitocentista, que reúne uma selecção de poemas de autores consagradas, antecedendo-lhe uma História Abreviada da Língua e Poesia Portuguesa.

Vol. I — Epicos —

Vol. II — Descriptivos, etc. — Metamorphoses — Heroicomico — Bucolicos — Iyyllios.

Vol. III — Epigrammaticos — Satyricos — Lyricos.

Vol. IV — Lyricos  — Fabulistas — Epistolares.

Vol. V — Epistolares — Pastoraes — Dramaticos.

Vol. VI — Satyricos.

Segundo Inocêncio, esta obra, ou melhor a sua organização e notas, foi atribuída a Garrett, tendo este à época desmentido.

De muito raro aparecimento no mercado, sobretudo com o seu volume VI, o mais raro de todos.

Encadernações da época em inteiras de pele, com artísticos ferros a ouro nas lombadas e pastas, acusando desgaste. Dourados por folhas, excepto o 6º volume, cuja encadernação é de execução mais recente e com os ferros ligeiramente diferentes. Com carimbo a óleo de antigo possuidor no anterrosto e em alguns volumes no frontispício.