Loja da In-Libris

GRANDE CATASTROFE DO TEATRO BAQUET (A) & ALBUM DE LÁGRIMAS E DORES

Indisponível.

14538

FILINTO (Jaime).— A GRANDE CATASTROFE DO TEATRO BAQUET & ALBUM DE LÁGRIMAS E DORES. Narrativa fidedigna do terrivel incendio occorrido em a noite de 20 para 21 de Março de 1888, precedida da Historia do Theatro. Coordenada por... E ornamentada com cinco magnificas phototypias reproduzindo as ruinas do theatro, interior e exteriormente. Porto. Casa Editora Alcino Aranha & Cª. 1888. 18x27,5 cm. 324-II págs. E.

Mandado construir por António Pereira Baquet, um alfaiate do Porto, e cuja planta era do próprio, sendo a fachada da autoria do prof. da Academia de Belas Artes, também do Porto, Guilherme A. Corrêa.

Quando faleceu António Pereira Baquet, em 1869, a notoriedade do seu teatro já ultrapassara as fronteiras nacionais. Entre muitos outros nomes sonantes dos meios musicais de Oitocentos, apresentou-se aqui o célebre virtuoso espanhol do violino, Sarazate, que viria a ter no pianista português Viana da Mota um dos seus colaboradores regulares. E terá sido também no Theatro Baquet que, pela primeira vez, se representaram operetas interpretadas por companhias portuguesas.

A 20 de Março de 1888, em plena representação da sátira política Gran Vía, mesmo na passagem para o último quadro, que o incêndio ocorreu, não se sabendo quantas pessoas (centenas talvez), nele terão perecido.

Esta obra é o mais completo relato dessa grande catástrofe.

Muito raro, principalmente quando acompanhado das cinco fototipias impressas em separado.

Encadernação simples. Preserva a capa da frente da brochura.

 

Liquid error: Could not find asset snippets/punchtab-snippet.liquid