FASTOS DE PÚBLIO OVÍDIO NASÃO (OS)

16356-L2
  • 300,00 €


OVÍDIO.— OS FASTOS DE PUBLIO OVIDIO NASÃO. Com Traducção em verso portuguez por Antonio Feliciano de Castilho, seguidos de copiosas annotações por quasi todos os escriptores portuguezes contemporaneos. Lisboa. Por ordem e na Imprensa da Academia Real das Sciencias. M DCCCLXII. 17x24,5 cm. 3 vols. E.

“Temos na presente obra a parte mais curiosa e instructiva, senão a mais bella, do monumento ovidiano. O que os Fastos sejam, o quanto valham, repete-o ha mil e oitocentos annos em todo o mundo, e por  todas as linguas, um côro ininterrupto de eruditas e poetas, e continuará ainda a repetir-se em quanto por entre os edificadores do futuro andarem, como hão de sempre andar, estudiosos e devotos do passado (...)” — retirado do Prólogo.

Cuidada tradução de António Feliciano de Castilho. Com um vasto e muito bem organizado “Indice Alphabetico do contido na traducção do Poemas dos Fastos e nas respectivas Notas".

De muito invulgar aparecimento no mercado.

Encadernações com lombadas em pele. Carminados à cabeça. Preservam as capas da brochura. Carimbo a óleo e assinatura de posse na folha de guarda de cada volume.