CULTURA DAS ARVORES FRUCTIFERAS

11381-L1
  • 60,00 €


SOUSA (Camillo Aureliano da Silva e).— CULTURA DAS ARVORES FRUCTIFERAS Pereiras, Maceeiras e Pecegueiros. Modo pratico de plantar estas arvores, de dirigil-as e podal-as, obrigando-as a fructificar dentro de tres annos; seguido d’uma relação descriptiva das melhores peras, maças e pecegos, que se cultivam no estrangeiro. Com 65 gravuras intercaladas no texto. Porto. Livraria Moré — Editora. 1875. 12x18 cm.328 págs. E.

“Falla um curioso, bem arrependido de ter mettido foice em ceara alheia; é paccado de que o não absolverão os grandes sacerdotes da sciencia; mas declaro desde já alto e bom som que falla pela bocca dos mestres. Ahi estão em volta da minha banca os professores Du Breuil, Decaisne e Gressent, o Conde Léonce de Lambertyre, M. Choppin e M. Puvis, ensinando-me o que devo escrever (...) Concluirei dizendo que este livro não é para os desleixados e preguiçosos: é para aquelles que gostarem de vêr as suas arvores bem formadas, bem equilibradas e cobertas de soberbos fructos desde a base até ao cume. Esses se applicarem o que vão lêr, reconhecerão em pouco tempo a differença que vai de um pomar bem plantado e bem dirigido, a outro entregue à natureza sem cultura e sem cuidados (...)”.

Obra interessantíssima dada a lume por este, segundo Inocêncio : “(...) Fidalgo da Casa Real por alvará de 16 de Julho de 1834, Bacharel formado em Direito pela Univ. de Coimbra, foi successivamcnte Secretario do Tribunal Commercial do Porto, Juiz de Direito da Comarca de Oliveira de Azemeis, e Procurador Regio na Relação do Porto por decreto de 1858. Nasceu na ilha das Flores [Açores] em 1811 (...)”.

Ilustrado nas páginas de texto. Encadernação da época com lombada em pele.