ATLANTE

08501-L1


ATLANTE. Revista Mensal de História, Literatura, Arte & Sciencia. Director: José do Vale e Silva. Secretarios da Redacção: Luiz da Cruz Sobral e António F. Rodrigues. Editor: Artur dos Santos. Lisboa. 1925.  17,5x24,5 cm. 2 números. Enc. em I.

“Foi nos vagos momentos, em que, da vida, só lhe fruímos o sabôr, que nasceu a alta, senão patenteadôra, idéa de dar á luz da publicidade a revista que o amavel leitor está folheando. A ATLANTE é uma revista firmada por novos e quasi desconhecidos precursores da via literaria; é pois fundada com a ardente caracteristica vontade dos novos, coadjuvada por escritores e artistas subejamente conhecidos, que nela colaboram. Reserva-se esta revista, a mais, dois fins bem distintos (...) O primeiro, o mais láto, o mais natural, — que nos é dado tratar como novos, que somos — é a reabilitação e a reedificação da nova geração d’intelectos, que uma serie de factos tem desequilibrado e desmorenado quasi totalmente. O segundo, menos láto, mas mais brilhante, tem o fim de pôr em contacto com o publico, leitor e culto da literatura, da arte, e da sciencia, escritores e artistas novos, que a falta de condições não tem deixado fazer publicos os seus trabalhos, por vezes merecedores de bom acolhimento e não menos agradavel apreciação (...)”

A parte de história tem artigos de E. Soares, a de etnografia de Luis Chaves, a de ciência de Luciano Ribeiro, enquanto que na de literatura os autores são: Agostinho Fortes, Costa Barreto, J. Vale e Silva, Rodrigo de Sá Nogueira, Ludovicus, Carlos de Lemos — que assina um artigo curioso sobre Camilo Castelo Branco — Da Cruz Soveral. O artigo de Arte, saído no segundo número e intitulado “ A noção clássica da Beleza” , é da autoria de Armando de Lucena.

Publicação que apenas consiste nestes dois números. Raro.

Encadernação em inteira de “Chagrin” decorada a ouro na lombada e pasta da frente. Conserva as capas das brochuras.