PORTUGAL PEQUENINO

13658-L1


BRANDÃO (Raul) & BRANDÃO (Maria Angelina).— PORTUGAL PEQUENINO. Lisboa. 1930. (Composto na Tipografia da «Seara Nova»). 13x19,5 cm 258-IV págs. E.

“(...) Um dia escreveu-me propondo a ilustração de Portugal Pequenino. Lá fui eu, num Verão, cheio de papéis e entusiasmos. Almoçava com ele e depois, estendido num escaninho de castanho, com as pernas de fora, porque não lhe cabiam no enorme banco, lia-me em capítulo do livro, enquanto eu ia apontando o que mais me sugeria uma  ilustração. A Pisca e o seu companheiro transformados em seixinhos, junto dum penedo da serra, a ouvirem o diálogo das aves e dos lobos famintos; essa obra profundamente poética feita mais para os grandes que para os pequenos (...)” — depoimento de Carlos Carneiro em Raul Brandão — Homenagem no seu Centenário.

Primeira edição desta obra, por muitos considerada uma obra-prima da literatura infantil, editada em colaboração com a sua esposa, pouco antes de Raul Brandão falecer. Ilustrado por Carlos Carneiro, nas páginas de texto e em separado, a negro e a cores.

Capa de Alberto Sousa.

Encadernação com lombada e cantos em pele, decorada a ouro na lombada e filetes nas pastas. Preserva a capa da brochura. Carminado à cabeça.