À esquina — Fialho de Almeida

À esquina — Fialho de Almeida

25291-L24
  • 45,00 €


ALMEIDA (Fialho de).— À ESQUINA. (Jornal dum vagabundo). Coimbra. F. França Amado — Editor. 1903. 12x19,5 cm. XXVII-214-II págs. E.

“Volume de folhetins de Fialho de Almeida (...) de cuja variedade ressalta mais uma vez a abordagem da vida literária e artística portuguesa, nomeadamente em "Escritores dramáticos e seu público", em que o autor reflete sobre as dificuldades da arte teatral em Portugal, e "Em Coimbra - Récitas de estudantes", onde historia algumas etapas da história académica dessa cidade, com destaque para o período da geração de Antero e Teófilo e da emergência da Questão Coimbrã. Contudo, o texto mais conhecido é seguramente o primeiro, que prefacia a obra: "Eu (autobiografia)". Nesse texto memorialista, em que simultânea e constantemente ironiza sobre os processos da autobiografia, o escritor não apenas alude aos episódios mais marcantes da sua existência como também tece considerações sobre a sua própria obra literária e as características da sua escrita: a preferência pelos assuntos humildes, o sentimento paisagístico, o carácter fragmentário da sua obra, o estilo "brutal".

A encadernação, com lombada e cantos em pele decorada a ouro, preserva a capa da brochura original.


Também recomendamos